Existe Algum Futuro nos Programas de Técnico de Arquitetura?

Architectural_program-page-graphics-700x275_2

Architectural_program-page-graphics-700x275_2O trabalho dos técnicos de arquitetura está diretamente ligado aos aspetos mais técnicos dos projetos. Estes profissionais, normalmente muito organizados e competentes, constituem o elo entre os arquitetos e o projeto acabado. Os seus conhecimentos técnicos avançados e a sua mestria são valiosos e indispensáveis, tanto no interior como no exterior dos edifícios, planeamento modular, tetos e sistemas de partição. Os técnicos de arquitetura asseguram-se da qualidade dos materiais utilizados e do planeamento e “design” estrutural da obra, de forma a esta estar de acordo com todas as normas em vigor.

Embora esta função exista há mais de mil anos, com algumas variáveis, de acordo com a evolução dos conhecimentos e das tecnologias, a introdução dos computadores e, mais recentemente, de programas especializados que proporcionam opções inimagináveis ainda há pouco tempo, faz com que um técnico de arquitetura necessite de conhecimentos informáticos bastante avançados.

A construção que hoje em dia é efetuada pelos técnicos de arquitetura requer planeamento em computador e programas que providenciem um “design” modular avançado, de forma a criar um projeto detalhado e um plano tridimensional de toda a estrutura. Embora os programas de computador que permitem tais resultados sejam bastante caros, estão rapidamente a substituir os projetos em papel, por oferecerem um espetro de possibilidades e uma rapidez e segurança de entrega que não se conseguem obter da forma tradicional.

Utilizando a representação arquitetónica com recurso ao 3D, um arquiteto pode apresentar ao cliente uma ideia muito clara do aspeto final da estrutura, mesmo antes de se dar início à construção. Navegando pelo interior e exterior da mesma à velocidade de um clique, quaisquer erros ou discrepâncias podem ser facilmente detetados e corrigidos. O cliente pode também com facilidade sugerir alterações que serão rapidamente efetuadas pelo técnico.

Com uma forte aposta na formação informática, o futuro dos técnicos de arquitetura está assegurado, evoluindo ao ritmo das tecnologias atuais.