Arquitetura Empresarial e Orientação para os Serviços – Do que se Trata?

shutterstock_129171899

shutterstock_129171899A arquitetura empresarial é a completa expressão da empresa, um plano diretor que atua como uma força colaborativa entre os diferentes aspetos do planeamento de operações. Estas operações podem estar relacionadas com bases de dados e processos ou com a criação de um meio que favoreça e facilite toda a infraestrutura tecnológica de uma empresa, como sejam os computadores, os sistemas operativos e as redes.

No fundo, a arquitetura empresarial representa a lógica organizacional para processos de negócio e para toda a estrutura informática e reflete assim a integração e a homogeneização de requisitos do modelo operacional da empresa.

A arquitetura com orientação para os serviços é uma abordagem diferente, que usa os chamados “serviços” para um enquadramento da arquitetura empresarial. Neste caso, um serviço pode ter vários significados, dependendo do contexto em que se insira e em que esteja a ser utilizado. Em termos gerais, o contexto deverá ser à partida definido pela relação entre o consumidor e o fornecedor. Isto poderá criar uma hierarquia de serviços em que os de um nível mais elevado são compostos por vários que estão nos níveis inferiores e assim sucessivamente.

É por esta razão que se torna essencial que as características detalhadas, a natureza e o alcance associados a cada serviço sejam claros e inequívocos de cada vez que o serviço é utilizado, incluindo ao definir-se quem irá fornecer o quê a quem.

Os serviços podem ser definidos de uma perspetiva tecnológica ou comercial. De uma forma simples, de um ponto de vista comercial, um serviço mais não é do que a ideia que o consumidor tem das capacidades do fornecedor. Os serviços devem obedecer a características predefinidas, que assegurem a sua eficiência e eficácia em termos de custos.

De um ponto de vista tecnológico, a utilização do termo “serviços” define os serviços de tecnologias de informação que correspondem a atividades empresariais do mundo real ou funções comerciais reconhecidas.